Destaques

Format C: que nada! Zero Fill arranca até a alma do seu HD

Postado por Alex Ferreira na categoria Manutenção e Hardware no dia 30-07-2010

109

Imagine que você é um criminoso procurado pela Polícia Federal e tem arquivos no seu computador que podem lhe incriminar. O que é que você faz? Dá um shift + del ou um format c: no seu HD?  Não importa de que modo você vai apagar seus dados, eles sempre poderão ser recuperados. Aliás… existe um método de "deleção" ou "deletação" (sei lá) de arquivos que verdadeiramente apaga seus dados e impossibilita qualquer tipo de recuperação: ele é o Zero Fill. Utilizando este método você tem a certeza de que nenhuma pessoa conseguirá recuperar seus arquivos mesmo após uma formatação. Saiba o que é, pra que serve e como funciona esse método que garante 100% de eficácia na hora de mandar seus arquivos para o inferno.

1 – O que é?
O Zero Fill é uma técnica de software que possibilita a remoção total de todos os dados contidos em um determinado disco rígido. Como dito no título desse post, ele é mais eficiente que a formatação convencional, pois esta ainda deixa a maioria dos nossos dados no disco após um certo tempo.

2 – Por que ele é mais eficiente que a formatação convencional?
Para responder esta pergunta necessitamos que você entenda o que acontece durante a formatação convencional. Ao utilizar o comando “format c:”, por exemplo, o utilitário de formatação vai apagar apenas uma parte especifica do disco rígido, ao invés de apagar todo o disco. Cada setor do nosso HD é composto por 3 partes menores, que são: Preâmbulo, o dado, e o ECC.

Preâmbulo: responsável por indexar o dado, ele é quem diz que o dado está realmente ali naquele setor.
Dado: dispensa explicações, não é?
ECC: parte responsável pela detecção e correção de erros.

Então… O que acontece é que a formatação convencional apaga apenas os preâmbulos, fazendo o Sistema Operacional considerar que não existem dados nos setores. O problema é que os dados propriamente ditos ainda se encontram no disco, o que lhe dá uma brecha para recuperar todos os dados. Basta apenas reconstruir os preâmbulos!

O Zero Fill trabalha de maneira diferente, pois ele consiste em gravar 0’s em todos os locais possíveis do HD, o que faz com que todos os dados sejam praticamente exterminados!

3 – Quando utilizar o Zero Fill no lugar da formatação comum?
• Excluir um vírus que não pode ser excluído sem destruir o setor de inicialização.
• Excluir informações confidenciais (senhas, fotos, etc.) por motivos de privacidade.
• Verificar e marcar a existência de setores defeituosos.

4 – Então o Zero Fill é uma formatação física do HD?
Não, isso não existe. A formatação física só é feita apenas uma única vez, que é quando ele sai da fábrica. Porém, vale ressaltar que o Zero Fill deixa o seu HD praticamente igual a um HD novo, pois ele ainda te faz o favor de “excluir” os tão aclamados “bad blocks”. Devido a este fato algumas pessoas falam, erroneamente, que o Zero Fill é o mesmo que uma formatação física.

5 – Ele pode estragar o meu HD de alguma forma?
Não. Lembre que o disco foi feito para ler e gravar dados, e o Zero Fill não faz nada além de gravar “zeros” em todos os locais do HD.

6 – Por que meu fabricante recomenda que eu não o faça frequentemente?
Perceba que o processo como um todo estressa bastante o seu disco. Um HD de 2TB, por exemplo, pode levar muitas horas (mais de 12) de trabalho constante. Como ele é feito por componentes mecânicos, pode ocasionar um desgaste excessivo dessas partes.

7 – Posso fazer o processo em apenas uma partição ao invés de todo o disco?
Não, só é possível fazer em todo o HD. É tudo ou nada, literalmente.

8 – Mas afinal, onde eu baixo o software pra fazer isso?
Isso vai variar de fabricante para fabricante. É altamente recomendável que você use apenas os utilitários da fabricante do seu HD. Usar a ferramenta da Samsung em um Seagate pode lhe dar dores de cabeça. Então você deverá ir até o site do fabricante do seu disco e procurar pelo utilitário correto.

Baixe o utilitário da Seagate
Baixe o utilitário da Samsung

Bom, é isso. Creio que tenha dado pra explicar bem o que é e como funciona o Zero Fill. Se tiverem alguma dúvida, deixe nos comentários! Abraços.

Comentários (109)

[...] Com informações de: ComoTudoFunciona/HowStuffWorks, Hardware.com.br, Wikipédia (2),  I/O Tecnologia [...]
Eu tenho um hd de 500 gb que está com badblock são poucos mais tem, já passei esse zerofill sumiu todos os badbloks, mais depois ao usar o hd ele começam a aparecer de novo.

acho que esse não tem mais volta.

tenta rodar o hdd regenerator para ficar dando bad desse jeito já é falha fisica isola esses setores e volta a usar o hd até poder comprar outro .
Ótimo conteúdo, me ajudou bastante a esclarecer algumas dúvidas. Parabéns pelo seu blog, divulgue ele no ocioso, lá está em falta sites interessantes e úteis como este.
Abraços
deivid de 7 9832444m mlingrus cavalo de troia
Eu já pesquisei em vários lugares inclusive no site da fabricante não achei nada, não sei… pode ser burriçe minha, mas não encotrei o software da TOSHIBA que faça isso. POderia me ajudar com isso?
DEsde já, Muito Obrigado!

OBS: Muito esclarecedor esse post!

A toshiba infelizmente não disponibiliza o software de graça precisa pagar =/
Sim cara… é “burriçe” sua lol
ai ja ouvi fala dele, dizem q é bom, mas me diz vc tem um tutorial explicando como usar o zero fill ?
vc não teria um passo a passo de como formatar em zero fill um hd samsung pois não consegui pq sou pessimo no ingles.
Zero Fill
Valeu mesmo cara,muito bem explicado.Vou tentar acha o ZERO FILL da positivo,muito bom mesmo.
Cara, você é muito burro. Positivo não é a marca o seu HD… HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAH
da 0 pra ele
vc tambem pode usar um programa que faca essa formatacao! um excelente e o partition wizard, nele vc encontra a opcao de formatacao de alto nivel zero fill!
vc pode preencher seu hd com zeros e ou zeros e um!
vc precisa criar um disco de boot pra fazer este procedimento! utilize o hirens boot que ja tem o partition wizard no pacote! boa sorte pessoal
putz esse avatar nao era bem o que eu queria, kkkkkkk

peco ao administrador do site que mude pra um de homem ne, agradeco, kkkkkkk

Boas…
Gostei muito da sua explicação e pude entender melhor os funcionamentos do hd.
Bom, estou com um problema cruel. Tenho um hd externo via usb seagate de 1Tb. Usava ele para guardar coisas sem muita valia. Adquiri um aparelho que acessa tv digital e com ele poderia gravar programas. Após algumas gravações o tal aparelho de tv não mais reconhecia o hd externo. Levei-o até meu pc que o reconhece normalmente. Após o primeiro clique para “entrar”, posso visualizar seu conteúdo, porém só até a primeira fase, após não consigo mais ver seu conteúdo. Como não há nada de importante nele, gostaria de formatá-lo e tentar deixar novo novamente.
Aí começa a briga. Não consigo formatá-lo nem a pau. Por favor me ajude. Eu gotaria de dar um zerofill nele. Entrei no site da seagate e não sei qual aplicativo pra ele. Talvez até seria o caso de eliminar ele do case de hd externo e ligá-lo direto no pc? Por favor me socorram. Entrem em contato via e-mail por favor.

Desde já agradeço.

Alexandre

linux way: usando shred: # shred -n 5 -vz /dev/hxx onde hxx é o dispositovo a ser zerado.
Estou a usar Windows XP e Linux. Se eu quiser formatar apenas Linux, o que devo fazer?
Boa tarde.
Muito bomo seu “post”. Ensina e demonstra a quem lê o que é e como funciona um HD.

Você saberia aonde posso fazer o download da ferramente para formatação do HD da Asus?

Obrigado.

Onde encontro essa ferramenta para um HD de 500GB da Samsung? pois quando acesso o link que posso postou apareçe esse site: http://drive.seagate.com/content/samsung-en-us, é a mesma coisa?
Vc nem se deu o trabalho de ler os comentários!!!
eu peço que esse tipo de informação nao seja divulgada pois isso atrapalha o trabalho da policia
Analista,
Geralmente quem comete crimes na internet, sabe um pouco ou até mais que nós como se livrar desses arquivos.

Sim, divulgar não é bom, porem o usuário final tem o direito de saber isso, até porque ele que coloca o computador nas mãos de técnicos e alguns “técnicos” roubam arquivos desses usuários.

Um HD que tem uma senha na inicialização, por exemplo, não se consegue formata-lo pelos meios comuns, com CD do XP por exemplo, o zero fill resolveria o problema?
Boa tarde,

está descrito “reparo” de bad blocks… Isto somente é possível se o setor “defeituoso” for em nível “lógico”, pois se o problema for “físico”, o firmware do HD simplesmente realoca este setor defeituoso para uma área sem defeito (área destinada especificamente para realocação de setores defeituosos). E para o nosso amigo que informou o “retorno dos Bads”… Na verdade, estes são “novos” Bads. Desista, seu HD esta velho. Solução? Comprar um novo.
Para que tem disposição para estudar, procurem este programinha… este te mostra tudo que está acontecendo com seu HD.
“smartmontools”

Não encontrei a ferramenta específica para HDs da Western Digital… Posso usar o Zero Fill sem correr riscos?
Para fazer o download do programa para gravar zeros da Western Digital : http://wdc-pt.custhelp.com/app/answers/detail/a_id/4404/session/L3RpbWUvMTM0Njc3NjAzOC9zaWQvd05BV0lwNWw%3D .
Caso seu HD ainda esteja na garantia de fábrica da WD, contate o suporte por esse e-mail wdsupport@wdc.com, realmente depois de enviado dá a mensagem de retorno de e-mail inválido, mas o suporte vai entrar em contato, você tem que fazer um chamado no site também, mas fui muito bem atendido pelo o suporte de lá.
Como saber se o bad block do meu HD é físico ou lógico ??
Isso não existe. O rapaz que falou acima nos comentários esta equivocado, existe apenas bad block físicos. Os programas detectam estes setores e os isolam no disco criando atalhos para leitura.
Tenho um HD MAXTOR de 250GBs passei o hdd regenerator e achou + de 1300 BADBLOCKS isso que estava em 38% vou fazer o ZEROFIL pra ver se purifica a alma dele e voltar a usar, vamos ver oque dá – Let’s go
Estou com um HD prestes a entrar em formato RAW, usar o Zero Fill nele iria adiantar em algo?
Muito boa sua explicação.
abs

Deixe um comentário